Web Toolbar by Wibiya

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

||A Graça da Química - Divisões da Química
A Graça da Química > Divisões da Química
Divisões da Química - A Química e suas especialidades

Conceito de Química

Ciência que estuda os materiais existentes na natureza, suas propriedades e alterações. Analisa as substâncias presentes nesses materiais, desenvolve técnicas para extraí-las e purificá-las e sintetiza novas substâncias. A química também pesquisa os processos de transformação das substâncias em matérias-primas para os diferentes ramos da indústria. O homem desenvolve e acumula conhecimentos práticos de química desde a pré-história. Com a metalurgia, por exemplo, surgida no quarto milênio a.C., aplicam-se processos químicos para separar os metais dos demais minérios presentes na natureza e preparar ligas metálicas. Na Antiguidade, a química prática está presente na produção de vidros e cerâmicas e na extração de princípios ativos de vegetais usados para fazer perfumes e cosméticos. Processos químicos, como os de destilação e fermentação, estão na base da produção de vinhos e cervejas. Técnicas de conservação de alimentos defumação, salgamento, uso de especiarias também já são aplicadas. Esses conhecimentos, no entanto, são empíricos: um conjunto de receitas práticas, nascidas da experiência, ao qual faltam métodos, leis e teorias de um conhecimento sistematizado. Ao longo de sua evolução enquanto ciência, a química subdivide-se em vários campos de pesquisa:

Química Geral

Estuda os princípios da química, suas leis fundamentais e teorias gerais;

Química Analítica

Identifica e determina as substâncias presentes nos materiais. A evolução dessa área está intimamente ligada ao desenvolvimento tecnológico e ao surgimento de novos instrumentos de análise. Atualmente, emprega sofisticados equipamentos eletrônicos, técnicas eletroanalíticas, de ressonância magnética, espectroscopia de massa e cromatografia. Pode ser qualitativa (quando detecta e identifica os constituintes do material) ou quantitativa (quando determina a quantidade de cada substância em uma amostra). A química analítica tem várias aplicações. Na indústria, por exemplo, é usada para controle de qualidade: analisa a composição das matérias primas e produtos intermediários empregados na produção;

Química Orgânica

Pesquisa os compostos do carbono. Reconhece, extrai, prepara e utiliza as substâncias existentes nos seres vivos, além de estudar e produzir substâncias sintéticas. A petroquímica, por exemplo, um dos ramos da química orgânica, cuida da separação das substâncias que se encontram no petróleo, sua utilização e transformação em novos compostos A bioquímica reúne conhecimentos da biologia e da química e estuda os processos químicos que ocorrem nos organismos vivos. A química orgânica participa de outras áreas de conhecimento de caráter interdisciplinar, como engenharia genética, biologia molecular e biotecno;

Química Inorgânica

Estuda os compostos não orgânicos, sua extração, purificação e métodos de preparação. É usada em inúmeros campos, como na obtenção de polímeros inorgânicos e de supercondutores - cerâmicas especiais que possam conduzir eletricidade sem perdas em temperaturas próximas à do ambiente;

Físico-Química

Reúne os conhecimentos da física e da química no estudo dos efeitos físicos associados às reações químicas. Pode ser subdividida em várias áreas: termoquímica (relação entre calor e fenômenos químicos), eletroquímica (fenômenos elétricos e sua relação com as reações químicas), eletroscopia (as interações entre a matéria e as radiações eletromagnéticas), cinética química (relação entre a velocidade de uma reação e as condições físicas em que ela ocorre), química nuclear (a radiatividade, os núcleos atômicos, as reações nucleares e a aplicação dos isótopos na medicina e na indústria) e química quântica (aplicação dos métodos da mecânica quântica ao estudo da estrutura das moléculas);

Radioquímica

Área da química especializada na extração, separação química e purificação dos isótopos radiativos;

Química Industrial

Este ramo da química, também chamado de química tecnológica ou aplicada, dedica-se à produção de substâncias de interesse econômico, como novas matérias-primas ou processos de produção.



Sites amigos:
Jogos Online - Kevin-Monster - Portal Nós na Web - Baixar Programa - CityFriends - Biologia Interativa - Cursos Grátis - Cursos Gratuitos - Cursos Online Gratis - Central do Inglês